Robôs Investidores


A tecnologia é algo cada vez mais presente em nossas vidas, não só para proporcionar lazer, a exemplo de smartphones e videogames, mas também para facilitar a execução do trabalho. Uma inovação tecnológica que anda ganhando cada vez mais espaço e popularidade no mercado financeiro são os robôs investidores, também conhecidos como robôs traders.

Os robôs traders são utilizados para automatizar investimentos. Se um trader com uma estratégia de investimento já define os momentos de compra e venda, ao utilizar análise técnica, por exemplo, por que não automatizar essa ação e se dedicar a outras atividades mais importantes, como investir o tempo no estudo mais aprofundado do mercado ou curtir a família? Os robôs investidores foram criados para que o investidor não precisasse mais ficar o pregão inteiro em frente ao computador fazendo a mesma coisa sem sequer poder se levantar para não perder boas oportunidades. Além disso, o computador consegue acompanhar mais cenários do que um investidor e executar as ordens com muito mais precisão e velocidade.

Um robô investidor é um código implementado em alguma linguagem de programação, como Python, C++ e MQL5, que recebe e processa os dados do mercado conforme regras pré-estabelecidas, respeitando cenários, indicadores, condições de entrada e saída e outros critérios usados para investir. Assim, realiza, de forma automática, o roteamento de ordens para a bolsa de valores. Não é preciso ser um mestre em computação para operar os robôs; no entanto, é preciso confiar em um bom desenvolvedor para que ele consiga programar o robô conforme a estratégia informada pelo trader.

Algumas das vantagens apontadas na utilização desses robôs são a desconsideração do fator emocional do investidor e a atenção da máquina a todas as oportunidades, o que reduz os erros no momento da operação. Além disso, os robôs investidores podem operar com estratégicas diferentes em papéis diferentes simultaneamente, montando assim portfólios de investimentos diversificados.

Apesar de grandes benefícios, é preciso estar sempre atento para não cometer alguns erros comuns que podem prejudicar a operação dessa tecnologia. É preciso ter consciência de que o robô executará a estratégia que foi programada, e, caso ela não seja apropriada, poderá acarretar rapidamente em grandes perdas financeiras. Para isso, é essencial fazer um teste de simulação, observando e analisando como a máquina está funcionando, para poder, posteriormente, validar a estratégia e colocar a nova tecnologia em operação. Ainda, é importante estar ciente da impossibilidade de prever tudo o que pode acontecer no mercado e, em algumas situações específicas, o robô poderá cometer erros que talvez o investidor não cometeria. Por exemplo, na primeira sexta-feira de cada mês, quando temos o anúncio do Payroll (dado americano que mostra a mudança no número de pessoas empregadas no mês anterior, sendo um indicador da situação econômica americana), há uma forte oscilação do dólar e o cenário estabelecido é incomum para o robô, sendo aconselhável desligá-lo para que não ocorram perdas significativas.

Os robôs podem ser grandes parceiros dos traders ao facilitar a execução do trabalho, mas, como aludido, é imprescindível ter disciplina e estudar constantemente para atualizar-se do assunto. Combinado a isso, os robôs trazem uma grande vantagem de tempo para o investidor, além de ótimos retornos financeiros.


Caso tenha se interessado, confira o texto que disponibilizamos para o aprofundamento no assunto. Acompanhe também nossa página, facebook.com/ligademercadofeausp, e fique por dentro de nossas postagens semanais!


Quando o robô faz uma operação - SmarttBot

#Robôs #RobôsInvestidores #RobôsTraders #BeatriceFranzoni #Tecnologia #Investimentos #Programação #Trading #1 #a

Posts Recentes
Arquivo